Quando você controla o que você sente, pra onde você acha que vai todo esse sentimento? Pra onde você o enviou? Certamente não para algum lugar fora do seu corpo. Você só guardou ele em algum depósito de coisas não interessantes, mas que eventualmente vão se mostrar porque fazem parte de você.

Se proibir de sentir é como fingir que não se é você mesmo. É como tentar enganar o sua mente, dizendo pra ela que na verdade você não é aquilo. Mas você é sim e o seu ego não é bobo. Ele vai até te obedecer mas depois vai lhe mostrar que você não pode fugir de si mesmo com bastante intensidade.

Isso significa que você deve sair por aí mostrando todo e qualquer sentimento e sendo quem você quiser? Claro que não. Você vai precisar encontrar um equilíbrio em ser você de maneira saudável. Você pode aceitar a sua tristeza e as suas sombras sem fazer coisas horríveis com o outro ou até consigo mesmo.

E também pode aceitar que você errou, que você erra, e que vai continuar errando como todos os outros seres humanos. Mas você pode cuidar desses erros, entender de onde eles vêm e cada dia abrandá-los mais. Eles não vão sumir, mas você vai conviver bem com eles, sabe?

E pra conviver bem, você não pode fugir. Se você fingir que o erro não existe, não vai haver convivência, nem ajuste, nem melhora. Aceite o seu sentir, entenda o seu sentir, respeite e ame o seu sentir.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: